Notícias Fecomercio

17 de abril de 2017

Saques do FGTS podem gerar alta de até 2,5% no faturamento do varejo de SP


Segundo estimativa inédita da FecomercioSP, R$ 14,7 bilhões serão injetados na economia do Estado de São Paulo

Os recursos oriundos das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), liberados pelo governo no início deste ano, poderão acrescentar até 2,5% ao faturamento do comércio varejista do Estado de São Paulo em 2017. É o que aponta projeção inédita realizada pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP).

Ao avaliar a participação de cada estado no total de rendimentos e remunerações pagas no Brasil, verifica-se que SP é responsável por 32,7% do total. Com a premissa de que a distribuição dos recursos das contas inativas do FGTS siga esse padrão, estima-se que, dos R$ 45 bilhões disponibilizados para saque, R$ 14,7 bilhões serão injetados na economia paulista. Veja os detalhes aqui.

Voltar para Notícias